O meu nome é Ray,e sou gay. Este será um blog sobre “as coisas vulgares que há na vida”. Na minha vida! É um blog para maiores de 18 anos. Para todos aqueles que tem alguma curiosidade sobre a vida e pensamento gay.
O que me dizes?
Por: Ray, em 28.08.07 às 18:50link do post | adicionar aos favoritos

Ora cá está a bela da dor no esqueleto!

            Acho que vou tomar café para ver se arrebito.

****************************************************************

            Não resultou. Hoje nada me anima. Nem cafeína, nem nicotina, nem porno.

            Sinto-me vazio de qualquer raciocio lógico, ou coerente.

A alegria e esperança não moram mais aqui. Sinto-me depremidido demais, há tempo demais.

             Porque é que não temos um interruptor imbutido algures no corpo?? Um que me permiti-se ligar | desligar a mente.... talvez o orgasmo seja o mais parecido.....

            Estou de tal maneira, que me entretenho a olhar longamente para o cão que no meu monitor, anda a oferecer-me ajuda no word.

Que bom que era, podermos contar sempre com um sistema destes em tudo da nossa vida, e não apenas quando escrevemos sobre ela! Qualquer dúvida que se apresenta-se, pumba, F1 e lá se abria uma janela para que nos apresentava soluções e os passos para as executar.

            Por outro lado, muita gente que conheco, vive a vida, como se, de alguma forma, usa-se um template de um qualquer programa informático. Igual a milhares de outras, em que tudo já esta desenhado, organizado e formatado, e apenas se tem que preencher com os dados pessoais. Nada fugirá á norma.

Tudo o que se possa apresentar de diferente será considerado virus, e posto de quarentena, ao fim de um tempo, se provar que afinal não é de má indole, poderá ser assimilado, desde que formatado para o template que é a vida.

            Ando a precisar de um novo sistema operativo!

R.

            Até já tinha acabado a entrada do dia, mas acabei de chegar do bar, e venho a fervilhar com actividade cerebral.

            Sobre os fogos na Grécia. Uma mãe pega nos 4 filhos, metem-se no carro para fugir ao fogo que estava a queimar toda a vila onde viviam, fazem-se a estrada e são apanhados pelas chamas e morrem carbonizados. Ironia do destino.... a única casa que o fogo poupou foi a deles! Uma tragédia. (grega!)

            Enquanto trabalhava, recebi um mms do alter ego do J. apaixonado crónico.

            Tinha apenas uma foto de um torso de um gajo peludo.

            Azares, dos azares dele. Além de já ter recebido aquela foto de outro gajo, eu tinha também já curtido com ele! Fez-me um dos melhores broches da minha vida, logo sabia que me estava a mentir, e disse-lhe mesmo isso! Claro que  negou, teimando patéticamente que era ele. Desafiei-o então a mandar-me uma outra, para o provar o que ele dizia era verdade.......ainda aguardo!

            Aquele homem não tem emenda? Quando é que ele perdeu a noção da realidade?

Já lhe disse para procurar ajuda profissional. As atitudes dele assustam-me cada vez mais. É de facto uma pessoa desorientada. Maldita hora em que mandei aquela quequa de misericordia!

             Por outro lado, meteu-me a pensar.

            - Que nessecidade tem os gays em receber uma foto, quando andam ao engate nos chats?

            Para saberem com quem estão a teclar? Para ver se agrada, ou se mentiram na descrição que deram deles próprios? Uma questão de segurança?

            Nenhuma desta perguntas se respondem com uma foto!

 Posso perfeitamente enviar uma foto que não é minha; e posso ser engando por uma foto que não corrosponde à pessoa a quem tou a bater o couro.

Com as pessoas com quem já tive, nunca me aconteceu, mas não duvido que já tenha sido o caso com algumas com quem nunca passei do sms para a cama!

            Nem quero pensar nas voltas que as fotos que enviamos dão. Enviadas, recebidas e reenviadas de novo!

            Uma das razões que vejo para tanta insistencia no enviar fotos, é a curiosidade! Para ver se conhecemos, antes que ele nos reconheça a nós. Na esperança de receber-mos a foto daquele que desconfiamos, mas não temos a certeza de serem do sindicato!

             A mim, não me afecta muito, já me assumi há muito tempo, mas para quem está no armário deve ser complicado. Dos casados então nem falo.

             Outra das razões será o voyerismo; que sejam muito felizes a fantasiar e a bater punhetas com a minha foto!

            Deverá haver também aqueles que as tentam usar para chatagem.

            Que gozo terão os gajos a quem envio foto e não me enviam a deles? Ficarão de alguma forma mais felizes e contentes, a vida deles mais preenchida por receberam e não enviarem? Ou é resultado de uma alguma frustração mal explicada por Freud?

            Fico danado quando a primeira coisa que me pedem é uma foto! Normalmente nem resposta levam.

            Que dirá, o facto de enviar uma foto falsa, sobre a pessoa que a envia?

            Falta de carácter, no mínimo!

O porque de quererem enganar o outro? Não estão confortaveis com o próprio corpo?  O porque de gastar dinheiro a enviar um mms, com uma foto falsa?

A pessoa que o faz, não tem qualquer interrese num encontro, porque sabe que será logo desmascarado.

Um pouco como na comedia d’el art, colocam uma máscara, uma foto falsa, e durante aquele tempo improvisam na pele daquela personagem, o que não tem coragem ou hipotese de viver ou dizer na sua própria pele.

Ou mais uma vez o aspecto físico é sobrevalorizado, ao ponto de se ter que mentir sobre o verdadeiro aspecto que temos?

Continuarei a enviar a minha verdadeira foto a quem achar que mereçe.

R.


Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
30


O que procuras?
 
Curiosos
Por aqui agora....
Fotos do blog
Na tua opinão:
Paradas Gay:
Sou contra.
Sou a favor.
Indiferente.
  
pollcode.com free polls
Quem por aqui andou:
eXTReMe Tracker
Blog Flux Directory