O meu nome é Ray,e sou gay. Este será um blog sobre “as coisas vulgares que há na vida”. Na minha vida! É um blog para maiores de 18 anos. Para todos aqueles que tem alguma curiosidade sobre a vida e pensamento gay.
O que me dizes?
Por: Ray, em 22.07.08 às 15:43link do post | adicionar aos favoritos

21 de Julho de 2008

 

            Dormi mal. Mal e pouco. As dúvidas do H. . . Não consegui pensar noutra coisa.

Tentei agir com ele o mais natural possivel, mas na verdade tou mal por dentro. Eu sei que o amo. Amo-o por quem ele é. Como ele é! Começam-me a assaltar pensamentos nada bons. Sendo uma pessoa que não consegue para de pensar e analizar tudo o que me acontence, começo a pensar que ele anda com estas conversas de merda à procura de desculpas para acabar comigo. Para poder viver mais, sei lá.

            O nosso namoro, como ele próprio recolhece tem-lhe aberto os horizontes,  e temo que queira exprimentar coisas que nunca fez, e por namorar comigo não as possa fazer. Entendo. Eu tambem já tive a minha fase em que andei por aí a viver tudo o que me apeticia, sem ter que dar cavaco a ninguem.

            Para complicar tudo isto, o trabalho tambem me traz coisas com que me preocupar.

            O J.M. meu colega anda a cagar-se para o trabalho e responsabilidades que tem. Conclusão, mais sobra para mim. Ele não anda a fazer o que deve, e já nem a equipa de vendas dele o respeita. De facto já nem o podem ver! O que o gerente lhe manda fazer, acabo por ter que ser eu a fazer. Tento faze-lo sem o ger. se aperceber que de facto sou eu, e não o J.M. a fazer.

            Infelizmente nem tudo dá para fazer assim tão discretamente. Ainda hoje por exemplo tive que mander fazer um inventário que era responsabilidade dele, e já o devia ter feito há uma semana. E não foi por esquecimento, fartei-me de falar com ele durante a semana passada sobre isso.

            O problema de lhe ter aberto o inventário, é que fica registado no sistema que fui eu e não ele que o fez. Por outras palavras, o facto de ter sido eu a faze-lo o gerente e a auditoria ficaram a saber que ele não está a fazer o trabalho que é a sua responsabilidade.

            Para piorar isto, sempre que é ele que está de permanencia á loja, a maior parte dos vendedores e quase em todos os problemas que tem, em vez de irem ter com ele, optam por vir falar antes comigo, porque já sabem que ele nada vai fazer para resolver a questão ou o problema que tem. E já me apercebi que mesmo quando está na loja, até a propria equipa de vendas dele, prefere procurar outra chefia em vez dele.

            Preocupa-me por ser amigo dele. E custa-me fazer-lhe isto. É que ao ser eu a fazer o que devia ser feito por ele, estou a passar-lhe um rotulo de incompetente, e que pode parecer que estou a tentar lixa-lo. E não é nada disso.

            Enfim. Acho que ainda vou ganhar uma ulcera nervosa.

            R.

 

Palavras-chave: , , ,

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
23
24
26

27
28
30


O que procuras?
 
Curiosos
Por aqui agora....
Fotos do blog
Na tua opinão:
Paradas Gay:
Sou contra.
Sou a favor.
Indiferente.
  
pollcode.com free polls
Quem por aqui andou:
eXTReMe Tracker
Blog Flux Directory