O meu nome é Ray,e sou gay. Este será um blog sobre “as coisas vulgares que há na vida”. Na minha vida! É um blog para maiores de 18 anos. Para todos aqueles que tem alguma curiosidade sobre a vida e pensamento gay.
O que me dizes?
Por: Ray, em 31.07.08 às 15:49link do post | adicionar aos favoritos

29 de Julho de 2008

 

            Isto de não ter net em casa, aborrece-me.

            Certo que não tive durante muito tempo, mas desde que comprei o portatil, e quando cheguei ao meu antigo quarto o liguei e apercebi-me que um dos vizinhos tinha a rede wi-fi dele sem protecção, foi um fartote.

            Naveguei e blogei de borla durante bastante tempo as custas do tolo que não protegeu a rede.

            Aqui neste quarto não tenho essa sorte. Embora detecte várias redes sem fios, estão todas protegidas. No dia em que recebi a noticia que não me iam renovar o contracto estava para enviar o fax a pedir a activação da kanguru. Ainda bem que não o fiz.... seria mais um encargo. Assim tenho que produzir os post no word, e depois ir até a cidade blogar. Significa isto que tenho que andar mais de 2 km, depois esperar que haja um pc livre e navegar sem nunca estar completamente à vontade.

            Então hoje, no final de escrever os post, e de (re)ver o E.R.- Serviço de urgência  que a rtp 2 está de novo a transmitir, fiz-me a estrada. O tempo estava optimo, não muito quente, e aproveito para ir vendo aqui e ali a bela da pernoca e o enxumaço saltitante.

            E hoje até se viu uns bem jeitosinhos.

            E por falar nisso, há umas noites atrás, quando saí para tomar um descafeinado, ao sentar-me nas esplanda, reparei num homem que estava com um grupo de amigos, a conversarem de pé a alguns metros de mim. O tipo tinha uma daquelas calças de tecido em que se nota quase tudo. O melhor desta história, foi que o gajo põe as mãos no bolso, e começa a brincar com as bolas e com a pila. Mas mesmo à descarada. Ele estava de tal modo entretido com a conversa que nem se deve ter apercebido do que estava a fazer. A descontração dele era tanta (e claro que o tecido das calças ajudaram a perceber e bem o que ele estava a fazer) que a determinada altura, e depois de brincar com as bolas, ora uma a uma ora com as duas ao mesmo tempo, começa a “rolar” a pila entre os dedos, dando para ver claramente o formato, tamanho e grossura do material. lol Nada má mesmo!

            Mas voltando ao presente.....

            Depois de por o post on-line, fui lanchar à pastelaria do N. Sentei-me na esplanada, e assim sempre ia vendo quem passava.

            Entretanto começei a ficar frustrado. Por dois motivos.

            Primeiro, não sei que se anda a passar mas ultimamente algo de errado se passa com as sms da vodafone. Ficam pendentes, ou nem sequer são entregues. E para quem é dependete deste meio de comunicacão e muito mau! Desde sexta-feira que já enviei mais de 1200 sms. Acho que esta semana as 1500 gratuitas não iram chegar.

            E a segunda razão é porque simplesmente me sinto sozinho. Sei que tenho o H. na minha vida, e sei que é o meu companheiro, mas quando não está, nestes pequenos nadas do quotidiano, sinto-me só.

            R.

 

Palavras-chave: , ,

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
23
24
26

27
28
30


O que procuras?
 
Curiosos
Por aqui agora....
Fotos do blog
Na tua opinão:
Paradas Gay:
Sou contra.
Sou a favor.
Indiferente.
  
pollcode.com free polls
Quem por aqui andou:
eXTReMe Tracker
Blog Flux Directory