O meu nome é Ray,e sou gay. Este será um blog sobre “as coisas vulgares que há na vida”. Na minha vida! É um blog para maiores de 18 anos. Para todos aqueles que tem alguma curiosidade sobre a vida e pensamento gay.
O que me dizes?
Por: Ray, em 11.08.08 às 15:43link do post | adicionar aos favoritos

9 de Agosto de 2008

 

      Hoje sai da toca.

      Logo no final da hora de almoço o meu mano mandou-me uma sms a convidar-me para um café. No final de pensar, decidir e despaxar-me já cheguei a casa dele já passavam das 16h.

      Alem do mano e chunhada estava lá um amigo deles. O P. Conheci-o há uns meses num concerto aqui na cidade. Na altura ele namorava com a C. a minha loira. Ainda o voltei a ver mais uma vez, num jantar na casa do meu irmão ao qual foi com o H.

      Nesse jantar, a determinada altura, o P. começou a mandar piadas e bocas sobre gays. Eu e o meu irmão  começamos a picá-lo e a puxar por ele, ajudando nas piadas. Só para ver até onde ele ia. Sei que ele não o fazia por mal, aliás ele nem sabia que eu e o H. eramos gay. Mas achei-o um pouco homofóbico.

      Mas voltando a esta tarde, ainda ficamos lá em casa um bom bocado. O meu irmão e o P. a tocar guitarra, e eu e a minha cunhada a jogar on-line e a cantarolar. Mas finalmente lá fomos para o café, numa das esplanadas mais badaladas cá do burgo e umas das minhas favoritas também.

      Ora palavra puxa palavra, conversa para aqui, conversa para ali, e o assunto foi parar aquele jantar. O meu irmão e cunhada já tinham falado com ele e já lhe tinham dito que eu era gay, e como tal ele queria pedir desculpa pelas piadas que tinha mandado. E mais, ele naquele dia ficou com ciúmes de mim. Porque se apercebeu da grande complicidade que eu e a C. temos. Disse-me hoje que ficou com ciúmes porque eu tinha a presença, o “parlapié” e falinhas mansas, pareceu-lhe que estava a fazer “flirt” a namorada dele. E depois quando soube que era gay, sentiu-se um tolo.

      A determinada altura, já no final da tarde, começei a notar nas sms do H. que algo se passava. E assim que lhe disse que me estava a vir embora e que vinha a pé, então é que foi cada vez mais obvio que se passava algo. O H. já estava a fazer filmes por eu estar na cidade sozinho.

      Ainda fui jantar ao shopping , mas saí de lá o mais depressa possivel, porque nas sms do H.  notava-se cada vez mais como ele estava.

      Só quando chegei a casa é que ele finalmente deu a mão à palmatória e me confirmou o que eu já tinha percebido há algumas horas. Que de facto não estava bem e que tinha andado a fazer filmes.

      Hoje até estava animado. Até me estava a apetecer sair um pouco à noite..... mas assim não.

      Nem devia ter saído esta tarde.

   R.

 

Palavras-chave:

Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
13
15
16

17
18
20
21
23

24
25
26
27
28
29
30

31


O que procuras?
 
Curiosos
Por aqui agora....
Fotos do blog
Na tua opinão:
Paradas Gay:
Sou contra.
Sou a favor.
Indiferente.
  
pollcode.com free polls
Quem por aqui andou:
eXTReMe Tracker
Blog Flux Directory