O meu nome é Ray,e sou gay. Este será um blog sobre “as coisas vulgares que há na vida”. Na minha vida! É um blog para maiores de 18 anos. Para todos aqueles que tem alguma curiosidade sobre a vida e pensamento gay.
O que me dizes?
Por: Ray, em 02.10.07 às 18:39link do post | adicionar aos favoritos

30 De Setembro de 2007 –

 

As voltas que a vida dá em apenas 3 dias.

Foi o tempo que levei para ver um milhento de quartos, dos quais apenas 2 levei em consideração, todos os outros ou eram em apartamentos velhos demais, ou tinham senhorias cuscas até dizer chega, ou simplesmente não eram a minha cara nem para a minha personalidade.

Optei por um que embora longe que se farta do meu amado centro histórico, fica também numa zona muito simpática da cidade, e do qual gosto muito. Grande, semi novo, o quarto é óptimo com montes de espaço e luz, e pelo menos para já só partilho o apartamento com um rapazito estudante que apenas vi de relance da vez que aqui vim ver o quarto pela primeira vez. Como é estudante conto com os fins-de-semana e ferias estar sozinho, o que muito me agrada. Sei que se chama M. tem uma namorada, e usa slips (!!!), não daqueles com bom ar e boa aparência que até podem ser bem sexys, mas daqueles que se compram na feira ao desbarato, tipo 6 por 5 euros. Fazem-me lembrar os que eu próprio usava quando tinha 12-14 anos. Quando ainda o meu zezinho não crescia e se conseguia manter tapado com tão pouco tecido. Mas gostos são gostos.

Neste tempo já consegui trazer para aqui toda a roupa, louça e a cacarecos de cozinha, e claro o pc. Tudo arrumado nos seus devidos sítios. Já não sinto de novo nem as costas nem os braços. Felizmente aquele alto debaixo do braço já se foi.Agora só falta mesmo o pior. Livros, papéis e cds. O mais pesado. Tenho que pedir ajuda ao meu mano para me ajudar também a trazer uma tv. Mas como não os considero essenciais vou trazendo pouco a pouco.

            Ontem quando vinha no carro com o meu irmão, com as últimas malas de roupas, destinado já a dormir aqui, na rádio começou a passar uma musica, acho que de Greg David, que me falou à alma: “ i’m walking away from the troubles in my life, i’m walking away....To find a better day”, acho que foi um sinal de algo. Esta página já virou. Que venha a próxima!

             Ainda bem que a minha cunhada insistiu que eu saísse lá de casa. Foi o melhor que podia ter feito. Recuperei muita da minha privacidade. Já não preciso de me sentir mal, só porque tenho que acender uma luz, ou porque tenho que ir à casa de banho a meio da noite, nem outras pequenitas coisas das quais me sentia um pouco culpado por fazer enquanto me encontrava lá em casa.

            Embora ontem me sentisse bastante só, acho que tou bem melhor.

            R.

 

            Acho que amo realmente o L.

Hoje à noite enquanto esperava por clientes no bar, tivemos a trocar sms, e um deles, cujo conteúdo não era de modo algum picante ou provocatório, fez-me ficar de pau feito. Isto não é normal para mim.

Mas mais importante que isso, é que me apanho constantemente a pensar e a sonhar acordado com ele. Sinto muito do que sentia quando conheci o V. e isso é bom,

Mas por outro lado tenho um pouco de receio em envolver-me com este nino. Ele está na idade de explorar a sua homossexualidade, não para ficar preso a um só homem. Tenho medo de o fazer perder a sua fase de juventude e de putinha.

             Amanha conto estar com ele à tarde!

            R.

Palavras-chave:

Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
16
18
20

21
22
23
25
26
27

28
29
30
31


O que procuras?
 
Curiosos
Por aqui agora....
Fotos do blog
Na tua opinão:
Paradas Gay:
Sou contra.
Sou a favor.
Indiferente.
  
pollcode.com free polls
Quem por aqui andou:
eXTReMe Tracker
Blog Flux Directory