O meu nome é Ray,e sou gay. Este será um blog sobre “as coisas vulgares que há na vida”. Na minha vida! É um blog para maiores de 18 anos. Para todos aqueles que tem alguma curiosidade sobre a vida e pensamento gay.
O que me dizes?
Por: Ray, em 22.04.09 às 20:48link do post | adicionar aos favoritos

22 de Abril de 2009

 

Ontem estive de folga. Como isto não anda muito bem de finanças o meu nino não veio cá. Fiquei por casa. Sai apenas para ir ao café e comprar algo para o jantar.

O pior foi mesmo adormeçer. Foi mesmo muito difícil.

Rebolei, e rebolei na cama. Até que desisti e voltei a ligar a tv. Fui para à tvi. Como estava a começar um filme, e aquela hora estes senhores normalmente não abusam dos anuncios, deixei-me ficar.

Até bufei quando vi que o filme era françês. Já estava a prever uma grande seca.

Não me lembro do nome do filme. Acho que foi o primeiro filme françês que vi na totalidade, e para meu espanto gostei mesmo. Era a história de um guarda faroleiro. Valeu a pena. Já adormeci bem depois das 6 da matina. Há muito tempo que não tinha umas insonias destas.

R.

 

Palavras-chave: , ,

O que me dizes?
Por: Ray, em 22.04.09 às 20:47link do post | adicionar aos favoritos

20 de Abril de 2009

 

Já há um tempo que isto anda a acontecer. O H. até já tinha feito menção disso no seu blogue, mas eu esperei mais um tempo para dize-lo, mas hoje foi confirmado e de que maneira!

Embora se calhar já havia começado há mais tempo, só na semana em que o meu nino esteve aqui de férias é que me apercebi. Um dos gajos que é dono da pasteleria que custumo frequentar andava a olhar para nós de uma maneira que nada engana. Como lhe retribuia-mos os olhares, ele começou a ficar mais ousado. Olhava quase a descarada, piscava o olho a mim ou ao H. e sempre que nos dava o troco da despesa fazia umas festas na palma da mão. Eu e o H. achamos engraçado.

Eles são dois donos. Em termos físicos quer ele quer o outro tem muito bom ar. Ambos na casa dos quarentas. Este que faz o flirt é do agrado do meu nino. Eu pessoalmente gosto mais de ver o outro. Mas gostos não se discutem.

Hoje levei o pc para o café, como tenho andado a escrever alguns contos para o projecto “partilhate” e como já ando em fase de revisão poderia-o fazer no café. Sentei-me numa mesa bastante iluminada de modo a poder apanhar sol na moleirinha. Na mesa ao lado sentou-se o tal dono. Também ele ao pc. Estava eu entretido numa das história quando ouço o música do meu post anterior. Levantei os olhos do ecran.  No pc do J. (o tal dono do café) estava a passar o video. Ele percebeu o meu olhar e aproveitou e meteu conversa.

Começamos evidentemente por falar daquela senhora, mas rápidamente nos metemos numa amena cavaqueira. Fiquei surpreendido. Pensava que a conversa ia resvalar para o flirt descarado, mas enganei-me. Falou dele, da vida dele, de projectos em que está envolvido, e já nem me lembro muito bem como a conversa foi parar ao estado civil. Já tinha sido casado, e que já conhecia o J (o outro dono do café) há muitos anos, e que nunca havia suspeitado, mas a vida é assim.... e que já havia se importado mas agora passava-lhe ao lado o que as pessoas diziam dele, e da sua orientação sexual etc e tal.....por outras palavras acabava-se de se assumir, a ele e ao companheiro, e claro que também não dei parte fraca, falei de mim e do H. como companheiros e namorados que somos.

Gostei da conversa. Especialmente por não ter tido qualquer tipo de tensão sexual. Apenas conversa simples e sincera. Sem jogos de palvras. A conversa normal de duas pessoas que se acabaram de conhecer, e que coincidentemente tem um “segredo” em comum. Agora já conheco mais um casal gay aqui na cidade, e acho que isso é uma coisa muito positiva.

R.

 

Palavras-chave: , , ,

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
17
18

19
20
21
24
25

26
27
29
30


O que procuras?
 
Curiosos
Por aqui agora....
Fotos do blog
Na tua opinão:
Paradas Gay:
Sou contra.
Sou a favor.
Indiferente.
  
pollcode.com free polls
Blog Flux Directory
subscrever feeds